cachorro_AsciteAscite refere-se ao acúmulo de líquido contido na cavidade abdominal, sendo ampla esta definição, pois engloba o acúmulo de bile, pus, urina, sangue, além de outros tipos de líquidos. A distensão abdominal pode ser passageira ou persistente e ainda pode não incomodar o animal como pode também ser bastante dolorosa. O peritônio é um tecido que protege a cavidade abdominal ao isolar as áreas de inflamação, e permite a absorção e/ou a eliminação de líquidos. Comumente a cavidade peritoneal contém pouco líquido, sendo considerada anormal a presença de líquido livre na cavidade abdominal.

A ascite, ou seja, o acumulo de liquido na cavidade abdominal, é sempre sinal de que existe alguma doença previa. O acumulo em si nunca é a causa inicial de alguma doença. Conseqüentemente, a abordagem correta do paciente com líquido ascítico consiste em determinar a natureza do problema primário como à falta de proteína no organismo, estados de retenção de sódio e água, coagulopatias, problemas no fígado, problemas cardíacos, traumatismos, neoplasias e drenagem linfática obstrutiva ou traumática entre outras, sendo que a produção do líquido abdominal é conseqüência de má circulação nos vasos e, portanto, da hipertensão venosa. O diagnóstico e tratamento devem ser direcionados à causa primária tendo em mente que o sinal clínico de liquido no abdômen é sempre um sinal muito grave e precisa de tratamento de urgência.

Dra. Vanessa Mollica Caetano Teixeira
Médica veterinária – UFV
Especialização em clínica e cirurgia – UFV
Mestrado em cirurgia – Unesp – Jaboticabal